Grupo ECC E-Consulting Corp. DOM Strategy Partners Instituto Titãs Inventures

Conheça as Campeãs do Varejo que mais Produzem Valor para seus Principais Públicos

Portal Lyderis – Fevereiro, 2014

Centauro, Assaí, Alpargatas (Havaianas), Etna, Apple, Livraria Cultura, O Boticário, H.Stern são destaques em seus segmentos de atuação. Veja quais são as outras empresas

Para avaliar a capacidade das instituições em gerar e proteger valor não apenas para si, mas também para seus clientes, consumidores, acionistas, funcionários e sociedade, a DOM Strategy Partners, consultoria 100% nacional focada em estratégia corporativa, criou o ranking MVP (Mais Valor Produzido) Brasil – Varejo. A listagem contém as 73 companhias do setor que mais geram valor a partir da percepção, avaliação e recomendação de seus stakeholders.

O ranking foi dividido entre as seguintes categorias do mercado: varejo de produtos, varejo de bens de consumo, varejo financeiro, varejo de convergência, varejo de serviços e, por fim, varejo online. Ao todo são 24 núcleos diferenciados do setor contendo as três primeiras empresas colocadas de cada área.

De acordo com o levantamento, Centauro, Assaí, Alpargatas (Havaianas), Etna, Apple, Livraria Cultura, O Boticário, H.Stern, C&A, In Brands, Leroy Merlin, Fotóptica, Ipiranga, Localiza, Pão de Açúcar, Claro e Netshoes ocuparam o primeiro lugar de cada um dos 24 mercados elencados no ranking das companhias que mais geraram valor neste ano a partir da interação com os seus diferentes públicos.

No quesito rede de franquias, as empresas selecionadas foram O Boticário, Localiza e Cacau Show.

Para chegar ao resultado final, o estudo avaliou critérios como Eficácia da Estratégia Corporativa, Resultados Gerados, Crescimento Evolutivo, Valor das Marcas, Qualidade de Relacionamento com Clientes, Governança Corporativa, Sustentabilidade, Gestão de Talentos, Cultura Corporativa, Inovação, Conhecimento, Grau de Transformação e Uso das Tecnologias Digitais, dentre outros.

“O MVP varejo foi criado com o intuito de entender como o mercado se comunica, constrói e mantém a sua capacidade para gerar e proteger valor com os seus diferentes públicos, ativos e os indicadores que reverberam em credibilidade aliada à imagem positiva, sistema de gestão robusto e eficácia de seu motor competitivo”, pontua Daniel Domeneghetti, CEO da DOM Strategy Partners.

A resposta sobre capacidade de cada empresa gerar e proteger valor para si e para esses públicos foi feita a partir da quantificação das quatro dimensões que definem o Valor Corporativo de uma companhia: Resultados, Reputação (definida como Credibilidade/Imagem), Competitividade e Riscos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 9 =

Scroll to Top