Grupo ECC E-Consulting Corp. DOM Strategy Partners Instituto Titãs Inventures

AES Sustentabilidade – Setembro, 2015

Em mais uma edição do programa Música e Saber, líderes da AES e especialistas debatem as oportunidades e desafios da gestão de imagem e reputação





A imagem e reputação de uma empresa estão diretamente ligadas à forma como a companhia atua na sociedade e têm importante influência nos negócios. Marcas com boa reputação possuem maior competitividade no mercado e têm poder de resiliência muito maior frente a uma crise.

Atentos à importância de debater o tema e nos manter atualizados a respeito das novidades do mercado, promovemos bate-papo sobre o assunto em mais uma edição do programa Música e Saber, que busca, periodicamente, incentivar a troca de conhecimentos entre líderes e colaboradores da companhia, além de convidados.

Britaldo Soares, presidente da AES, abriu o encontro, que aconteceu na sede da companhia, em São Paulo, nesta quinta-feira (17). Em seu discurso, ele destacou a presença da gestão da marca e imagem em nosso planejamento estratégico e reforçou a importância de todos os colaboradores estarem comprometidos com o jeito de Ser AES.

“É esta postura na entrega deste serviço tão vital que prestamos à sociedade que nos dará uma espécie de colchão de amortecimento nos momentos mais sensíveis. Nosso trabalho, muitas vezes, é impactado por fatores externos – como ventos fortes, raios e quedas de árvores –, mas se atuarmos de forma incansável e com transparência teremos a solidez necessária para enfrentar e superar os desafios do nosso negócio”, pontuou Britaldo.

A INSPIRAÇÃO TAMBÉM VEM DE FORA
Para enriquecer ainda mais o debate, foram convidados representantes de empresas que são referência em construção de imagem e reputação no Brasil. Paulo Marinho, superintendente do Itaú, e Fabio Luchetti, presidente da Porto Seguro, dividiram sua expertise com a plateia.

O executivo do Itaú iniciou sua apresentação elogiando a iniciativa da AES de promover um debate interno sobre o tema. “Ter uma boa reputação na sociedade é o resultado final de um processo que começa dentro de casa. É importante que a empresa tenha uma identidade bem definida, uma cultura forte, e que todos os colaboradores estejam comprometidos com ela”, disse Paulo Marinho.

Segundo ele, quando o assunto é a gestão de imagem e reputação, “o que a empresa é vale mais do que o serviço que ela vende”. Por isso, entre outras iniciativas, o Itaú investe fortemente em causas sociais. “Afinal, possuímos cinco mil agências espalhadas por todo o Brasil”, afirmou Paulo, que, entre outros projetos, destacou o Bike Sampa, projeto de compartilhamento de bicicletas que visa melhorar a mobilidade da cidade.

Apoiar causas importantes também faz parte da cultura da Porto Seguro que, entre outras iniciativas, possui a Trânsito Mais Gentil, projeto que oferece desconto na renovação do seguro para os motoristas que não possuem pontos em sua habilitação.

Focar no que chama de “atendimento familiar” é outra aposta da companhia para gerar boa reputação. “Adotamos uma visão antroposófica, em que assumimos que nossos colaboradores são nosso maior patrimônio. São eles quem fazem a nossa marca, no dia a dia, no contato com o cliente”, explica Fábio. Segundo ele, a empresa preza por uma relação próxima e saudável com o cliente, que é garantida por meio de atitudes. “Além de valores – como justiça, ética e transparência –, adotamos atitudes institucionais. Entre elas, simplicidade, humildade e entusiasmo”, complementa.

Para Daniel Domeneghetti, presidente da DOM Strategy Partners, que mediou esta edição do Música e Saber, independente do “modo de preparo”, a receita para construir uma boa reputação deve ter sempre a verdade como ingrediente principal. “As empresas e o mercado são feitos de seres humanos, complexos. Cada cliente é único. Esse é o grande desafio da gestão da reputação, mas com certeza um excelente início para construí-la é a transparência”, concluiu, ao final do debate.

O evento Música e Saber contou ainda com apresentação musical da colaboradora Simone Costa, que arrancou aplausos da plateia, formada por mais de 90 convidados, entre vice-presidentes, diretores, gerentes e demais colaboradores da AES, como eletricistas e leituristas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 5 =

Scroll to Top