Sustentabilidade é Inovação em Gestão?

O conjunto de cren√ßas e orienta√ß√Ķes adquire validade √† medida que o universo √© percebido e interpretado pela estrutura cognitiva dos indiv√≠duos, proporcionando-lhes uma f√≥rmula prescrita que funciona como um guia para a√ß√£o e julgamentos individuais e coletivos, servindo ao mesmo tempo de instrumento de controle, de conflito, de integra√ß√£o e sele√ß√£o/escolha/consumo. Esse conjunto de […]

Saiba Mais

A Ideologia no Fundamento do Marketing e do Branding

O conjunto de cren√ßas e orienta√ß√Ķes adquire validade √† medida que o universo √© percebido e interpretado pela estrutura cognitiva dos indiv√≠duos, proporcionando-lhes uma f√≥rmula prescrita que funciona como um guia para a√ß√£o e julgamentos individuais e coletivos, servindo ao mesmo tempo de instrumento de controle, de conflito, de integra√ß√£o e sele√ß√£o/escolha/consumo. Esse conjunto de […]

Saiba Mais

O Valor dos Ativos, o Poder da Percepção e o Efeito Borboleta

Temos defendido a tese de que o valor dos chamados ativos intang√≠veis depende, eminentemente, da percep√ß√£o de valor atribu√≠da pelos stakeholders externos a estes ativos. Assim, as pr√°ticas de sustentabilidade de uma empresa s√≥ valem se as comunidades envolvidas, a sociedade e as ONGs de direito atribu√≠rem valor a elas; o modelo de governan√ßa corporativa […]

Saiba Mais

Balanço de Ativos Intangíveis: Realidade Inexorável

A import√Ęncia de se adotar um Balan√ßo de Ativos Intang√≠veis, tanto de forma gerencial, para o direcionamento estrat√©gico, t√°tico e operacional das atividades corporativas, como para o mercado, visando validar o horizonte estrat√©gico adotado e o destino de aplica√ß√£o dos investimentos e do capital aportado por acionistas e demais stakeholders de relev√Ęncia, √© par√Ęmetro crucial […]

Saiba Mais

Ativos Intangíveis Valem o Quanto Pagam

De acordo com o pronunciamento do CPC (Comit√™ de Pronunciamentos Cont√°beis) um ativo intang√≠vel √© um ativo n√£o monet√°rio, identific√°vel sem subst√Ęncia f√≠sica ou, ent√£o, o √°gio pago por expectativa de rentabilidade futura (goodwill), sendo identific√°vel quando satisfaz a 2 crit√©rios b√°sicos: ¬†√Č separ√°vel, ou seja, pode ser separado da entidade e vendido, transferido, licenciado, […]

Saiba Mais

A Crise do Capitalismo e os Novos Ativos

O capitalismo, como o sistema econ√īmico que mais resultados positivos trouxe para a economia e as na√ß√Ķes globais, agoniza e recebe questionamentos de todos os agentes econ√īmicos. A cada dia, os principais peri√≥dicos mundiais trazem depoimentos de gurus econ√īmicos, autoridades monet√°rias e formadores de opini√£o mostrando a indigna√ß√£o e irrita√ß√£o quanto √† maneira incestuosa com […]

Saiba Mais

Os 13 Fatores Determinantes no Sucesso das Empresas de 2003 e… a Crise de 2008

Em 2003, portanto h√° 6 anos, produzimos no Strategy Research Center um Estudo chamado ‚ÄúOs 13 Fatores que Ir√£o Nortear a Competitividade das Empresas nos Pr√≥ximos 10 Anos‚ÄĚ. Este estudo foi intensamente discutido, apresentado, debatido e criticado em diversos f√≥runs nacionais e internacionais, tanto acad√™micos, como corporativos. O momento que vivemos nos motivou a recuperar […]

Saiba Mais

Empresas Iludidas pelo Acaso e o Darwinismo Mercadológico

Se entendermos as macrocrimes econ√īmicas globais, a exemplo da que vivemos hoje em dia, como o efeito inesperado (com resultados altamente negativos) das diversas a√ß√Ķes ‚Äúracionais‚ÄĚ encadeadas, ao longo do tempo, pelos agentes econ√īmicos em seus mercados, a√ß√Ķes essas que, muito provavelmente, at√© pouco tempo produziam resultados positivos para esses agentes, podemos inferir que esse […]

Saiba Mais

Carregar mais Antigos